Eventualmente, foi descoberto. O escritor fantasma do Sumo Pontífice Francisco é o Padre Ariel S. Levi di Gualdo que realizou uma há um ano “Lectio” para o qual ele enfureceu as palavras impróprias “Tradicionalistas”, pedindo a abolição do Motu Proprio de Bento XVI em “O antigo rito da Missa”

- Notícias eclesiais - NO FIM FOI DESCOBERTA. O ESCRITOR FANTASMA DO ALTO PONTIFF FRANCIS É O PAI ARIEL S. LEVI di GUALDO QUE UM ANO ATRÁS DISCOU UMA LECTIO POR QUE FALOU IMPROPRIAMENTE, DISSE TRADICIONAIS, […]

voltar ao topo