"Em Deus nós podemos nos tornar grandes escritores e artistas amam a unidade"

O dell'omiletica ângulo dos Padres da ilha de Patmos

"Em Deus nós podemos nos tornar grandes escritores e artistas da UNIDADE DO AMOR»

.

Explicar e mostrar a nossa fé para que ele não fique na cadeira, Não está cheio de orgulho, mas antes de tudo amar com um ato de amor profundo e terno e gerar a união de todos os homens com Deus.

.

Gabriele Giordano M. Scardocci, o.p.

.

.

PDF artigo formato de impressão
.

.

Queridos irmãos e irmãs,

.

San Raimondo di Peñafort, patrono dei giuristi e delle facoltà di diritto canonico, che secondo la pia leggenda attraversa le acque sul suo mantello di Frate Domenicano

La Liturgia della Parola di questa III domenica del temo ordinario [CF. não 8, 2-4.5-6.8-10; Vontade 18; 1 CR 12,12-30; LC 1,1-4; 4,14-21, textos legíveis, Quem], Recordou-me à mente a lembrança de quando pela primeira vez eu estava em um navio. Era uma balsa que transportava a partir de Nápoles para a ilha de Ischia. Lembro-me também a presença da tripulação: houve o marinheiro comum, o atendente de passageiros, os responsáveis ​​pela cozinha, il medico di bordo e infine, obviamente, anche il capitano della nave ed i suoi assistenti. Ognuno aveva un compito ben preciso e distinto, mas todos, ao mesmo tempo, avevano un’unica finalità: navio de ligação na porta de ísquios.

.

Questo esempio di diversità e di unità è anche il tema delle letture di oggi. Nella prima lettura tratta dall’Antico Testamento abbiamo ascoltato:

.

«Esdra aprì il libro in presenza di tutto il popolo. [...] Os levitas estavam lendo o livro da lei de Deus, traduzir e explicar a maneira, e così facevano comprendere la lettura» [não 8, 4 - 6] .

.

Questo libro che viene spiegato è la Legge mosaica che gli ebrei avevano ricevuto tramite Mosè al Sinai. Assim, tanto Ezra, profeta, que os levitas, os sacerdotes deixar claro algo que Deus tinha revelado a ele, mas que ele precisava de esclarecimento. Nessa passagem, também sabemos que é anunciado um dia consagrado ao Senhor. Portanto, o trabalho dos profetas e dos levitas judeus quase foi mostrar a existência de um tempo dedicado a Deus. Leviti e profeti, portanto, Eles têm uma tarefa específica: deixar claro e viver a mensagem de Deus.

.

Su questo si concentra anche la seconda lettura quando San Paolo scrivendo ai Corinzi afferma:

.

«Dio ha disposto le membra del corpo in modo distinto, come egli ha voluto» [1 CR 1,14]

.

Ecco dunque che viene confermato ciò è il Signore stesso a volere una certa distinzione e diversità all’interno del Popolo di Dio. A partir das duas primeiras leituras nós também aprendemos que o Senhor nos pede para aprender em nosso lugar. Ser capaz de compreender quais são os seus dons e colocá-los a serviço de toda a comunidade eclesial, sem ser egoísta é o maior ato de humildade. É na verdade o próprio Deus a chamar cada pessoa em uma tarefa específica: aqueles a vida religiosa ou o sacerdócio, aqueles no casamento, como uma distinção primária.

.

L’inizio del Vangelo di Luca specifica uno dei compiti comuni che Gesù ha demandato a tutta la Chiesa. lemos:

 

«Gesù ritornò in Galilea [...] Insegnava nelle loro sinagoghe e gli rendevano lode» [LC 4,14]

.

Para ensinar ou explicar a palavra de Deus, ou mesmo o conteúdo de nossa fé é a tarefa que todos nós crentes recebem de Jesus. Certain, primeiro noi ministri, numa homilia ou no catequética diária. Mas os leigos. Em particular aqueles que vivem a fé no mundo, juntamente com seus filhos e sua família, pode não só com a explicação do que ele acredita, também dar testemunho da beleza da fé em Deus. Uma fé que é reunião vivo, concurso e real com Jesus Cristo. Desta forma,, por esclarecer o que acreditamos e esperamos que o Senhor nos deu, podemos permitir que a fé se torna amor de caridade. Então, para oferecer o conhecimento de Deus, vamos dar um Deus amoroso e ao nosso próximo concretamente. Podemos dizer com o Senhor:

.

«Oggi si è compiuta questa Scrittura che voi avete ascoltato».

.

Assim, realmente, Ele também revelou alguns’ desse grande mistério de Deus Uno e Trino, que nos ama, com a autoridade de um Pai, com a beleza do Filho e do Espírito Santo maternidade. Será realmente a carícia mais bela e intensa que podemos dar àqueles que amamos, ou que não se sente amado por ninguém.

.

Explicar e mostrar a nossa fé para que ele não fique na cadeira, Não está cheio de orgulho, mas antes de tudo amar com um ato de amor profundo e terno e gerar a união de todos os homens com Deus. Como ela é escrito pelo pintor Eugene Delacroix em seu diário, dove esprime che in Dio possiamo tutti diventare i grandi scrittori e artisti dell’unità dell’Amore:

.

«Il sentimento dell’unità e il potere di realizzarlo nell’opera fanno il grande scrittore e il grande artista».

.

Amém.

.

Roma, 27 Janeiro 2019

.

.


«Você saberá a verdade, ea verdade vos libertará» [GV 8,32],
mas trazer, difundir e defender a verdade não só de
riscos, mas também os custos. Ajude-nos a apoiar esta ilha
com as suas ofertas através do sistema Paypal seguro:



ou você pode usar a conta bancária:
Eram TI 08 (J) 02008 32974 001436620930
neste caso, envie-nos um aviso de e-mail, porque o banco
Ele não fornece o seu e-mail e nós não poderíamos enviar-lhe um
ação de graças [ isoladipatmos@gmail.com ]

.

.

O blog pessoal dos Padres da ilha de Patmos

clube teológico

o blog padre Gabriele

.

.

.

Avatar

Acerca de isoladipatmos

Deixe uma resposta

seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

 caracteres restantes

Este site usa Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados comentário é processado.