Algumas objeções luto ao padre Timothy Radcliffe, que deve ser expresso como o ex-Mestre Geral da Ordem Dominicana, não como o mestre de um alojamento maçónico

Algumas objeções ao pai enlutado TIMOTHY RADCLIFFE, QUE deve expressar-se como o comandante geral ANTIGA DO DOMINICANA, NÃO COMO O comandante de um Loja Maçônica

.

Pergunto-me num Dominicana essa imprecisão idioma, o que sugere uma visão relativista da religião e indifferentist. Ele parece confundir fé com a visão. Opiniões podem ser muitos, Também em contraste com a sua, e isso é normal. Mas a fé em Deus é um, bem como a verdade é apenas um, porque é verdade objetiva, certa, absoluto e universal.

.

.

Autor
John Cavalcoli, o.p.

.

.

PDF artigo formato de impressão

.

.

ex-Mestre Geral da Ordem dos Frades Pregadores, padre Timothy Radcliff, o.p.

Tendo permanecido perplexo com várias respostas, me enviou um texto ao leitor uma entrevista feita por Alain Elkann ao padre Timothy Radcliffe, ex-Mestre Geral da Ordem dos Pregadores, a que pertenço, chiedendomi un parere in tal senso [CF. entrevista A impressão, Quem].

.

Eu gostei algumas coisas que ele disse, como a importância do amor para a verdade e para o silêncio, la bellezza della fede nel suo rapporto con la ragione, vida Dominicana fraterna, que todo homem é feito para alcançar a Deus e, em seguida, chamados à salvação e à coexistência pacífica de fiéis de várias religiões. Eu não me sinto em vez de compartilhar algumas de suas declarações, Cito aqui com minhas observações sobre. Fazer uma série de palavras de padre Timothy Radcliffe, e abaixo eu coloquei meus comentários.

.

  1. entrevistador perguntou: "Você acha que todas as religiões são meios para atingir o mesmo lugar?"Pai Timothy Radcliffe responde: "Eu ficaria feliz em dizer, mas é além de nossa compreensão ".

.

Eu teria respondido afirmando que todas as religiões são mais ou menos imperfeita meios humanos para alcançar a Deus. Mas só a religião católica cristã é a mais alta entre todos, porque foi fundada pelo Filho de Deus, Jesus Cristo, Mediador único e perfeito, Isso nos diz que Deus é Pai, Filho e Espírito Santo.

.

  1. "As guerras fazem parte da história da humanidade e de guerra usando todos os meios para ganhar, tanto o nacionalismo como religião. Não é correto dizer que a religião é a fonte de guerra. Eu diria que os seres humanos têm cultivado a violência usando a religião para impô-la ou justificá-la ".

.

Observo que o padre Timothy Radcliffe Faz uma falsa generalização. A guerra pode ter uma extremidade direita: por exemplo, defesa da pátria, a libertação de um povo oprimido, o corte de um regime tirano, a recaptura do território ocupado pelo inimigo, libertação da opressão dos cristãos por islâmico ou comunista.

.

Não confundir violência com o uso adequado da força. A violência é errada e está sendo punido pelo código civil e militar; o uso adequado da força é um ato de coragem que pode chegar heroísmo e é o princípio do valor militar, digno do maior honra. Desprezo ou condenação indiscriminada da guerra como tal, sem distinguir o certo do que injusto, É um sinal de humor mesquinho, paz falsamente no último e de coração?, che finisce per tollerare che i prepotenti opprimano i deboli e li lascino indifesi. A defesa da religião pode justificar uma guerra, como aconteceu, por exemplo, na batalha de Lepanto ou guerras narrado no Israel do Antigo Testamento, embora seja verdade que a religião pode ser uma ganância pretexto escondendo de poder ou desejo de dominar, como foi a guerra dos príncipes contra a Igreja Luterana para tomar posse dos bens da Igreja.

.

Isso não é verdade, portanto, Karl Marx pensava vir, que as guerras são sempre feitas por interesses materiais, e que esses ideais servem apenas para cobrir a primeira. Esta idéia é um sinal de alma tacanho e bárbaro, que não entende que o homem não é um animal, mas ele tem a honra, à justiça e à direita.

.

Você percebe nas idéias pacifistas do padre Timothy Radcliffe utopianismo racionalista e ingénuos e na extremidade, além das intenções, perigoso e belicista, típico de Rousseau e a iluminação maçónico, que considera uma "natureza humana" preparados na mesa, tomada abstratamente e originalmente "bom", independentemente da sua condição histórica dramática, subseqüente ao pecado original, natureza em vez precisa ser disciplinado e frenagem, Se for necessário, anche con severità. De fato, revelado pela experiência, a humanidade com a única força da razão e não será capaz de corrigir os desvios e para implementar integralmente, através de negociações adequadas e acções políticas, Justiça e paz, Além disso, numa perspectiva puramente terrena, mas precisa da ajuda de graça, como a história da civilização cristã e da Igreja.

.

  1. "Eu sou um grande ventilador Papa Francis, Ele está fazendo maravilhas avançando a Igreja de uma forma mais relaxada e menos centralizada. Certain, encontra resistência, mas não está dirigindo em direção à liberdade e espontaneidade, conseguindo entrar em contato com cada comunidade ".

.

Da maneira em que o Padre Timothy Radcliffe qualificando-se contra o Roman Pontiff, - "fãs Papa Francesco" - como se fosse uma estrela de cinema ou um campeão de esportes, entende-se que a evidência visual sob a qual ele se coloca a considerar e avaliar o desempenho do Papa, É totalmente inadequado e enganador, É uma superficialidade bruta e saber muito em um dominicano que foi chefe da Ordem por quase dez anos.

.

Por isso, o julgamento Pai Timothy Radcliffe em Papa è completamente falsato e denota chiaramente la sua provenienza da quel deleterio ambiente modernista-liberal-massonico, che con somma astuzia e ingentissimi mezzi economici e mediatici, da tempo ormai esercita, nei confronti del Successore di Pietro, una raffinata quanto sporca e smaccata opera di adulazione e finta devozione, che purtroppo non manca di produrre un certo effetto sulle grandi masse di fedeli sprovveduti e secolarizzati, nonché sul Papa stesso, cuja liderança da igreja é extremamente difícil tanto para a existência objetiva de conflitos intra-eclesiais dramáticas ferozes e por causa da dificuldade que tem para dar paz e concórdia, tanto para a sua própria certa falta de imparcialidade e é ainda mais devido ao pessoal ineficiente e falsos amigos, que circuiscono ele e forma-lo.

.

Padre Timothy Radcliffe, com suas declarações, dà mostra di errare nell’interpretare l’azione del Papa e di non comprenderne affatto ‒ cosa grave in un Domenicano ‒ né la vera personalità e missione apostolica e neppure di comprendere la vera, drammatica situazione attuale della Chiesa, più volte denunciata da Benedetto XVI, ma anche la Chiesa nelle sue vere prospettive e speranze.

.

Padre Timothy Radcliffe, a partir do que é expressa, sembra vivere in un’atmosfera ovattata e sognante, fatta di ingenui entusiasmi giovanili, senza percepire assolutamente ‒ oggi che si parla tanto di ”discernimento” ‒ né la profondità della crisi, né quella dei valori che stanno emergendo, che sono quelli di un’autentica attuazione del Concilio Vaticano II, non nell’interpretazione modernista schillebexiana e rahneriana, ma secondo gli insegnamenti autentici dei Papi del post-concilio, dal Beato Paolo VI al presente, não sem estar em continuidade com a Tradição escuta supremo da Palavra de Deus e que o "Espírito diz às Igrejas" [AP 2,7]. E quando eu digo "tradição" Eu não quero O antigo rito da Missa, mas a Sagrada Tradição, ou seja, para a custódia, conservação e transmissão oral apostólica infalível dos dados revelou: essencialmente, a pregação do Evangelho.

.

Hoje, o Papa não precisa "fãs » - estes deixá-los para jogos de futebol, fé é um assunto sério -, Nem acres acusadores fariseus, non ha bisogno di essere lisciato e coccolato, non ha bisogno di essere “corretto” nella retta fede, anzi chiede a noi di ascoltarlo come maestro della fede e interprete infallibile della Tradizione e della Scrittura, nonché ha bisogno di essere aiutato e consigliato da collaboratori leali, saggi ed efficienti, che non diano scandalo al popolo di Dio. Ha bisogno di essere illuminato, confortado, consulado, incoraggiato e liberato dai Giuda, dagli intrallazzatori e dagli arrivisti, che l’attorniano come api attorno al miele. Sull’esempio di una Santa Caterina da Siena il Papa ha bisogno di essere insistentemente esortato con franchezza, carità e rispetto a compiere il suo dovere per l’onore di Cristo e il bene della Chiesa.

.

Padre Timothy Radcliffe si immagina un Papa promotore di una Chiesa “rilassata” come il tale che, comodamente rilassato in poltrona, si gode uno spettacolo televisivo. La sua Chiesa ”decentralizzata” è un eufemismo pietoso ma non troppo, per celare o ignorare lo stato confusionale nel quale oggi la Chiesa si trova in un Bellum omnium contra omnes tra cardinali, Bispos, teologia, preti e religiosi in temi di fede e di morale.

.

Secondo Padre Timothy Radcliffe Papa Francesco ci sta guidando verso una Chiesa «libera e spontanea». Ma per raggiungere tal fine, non c’è bisogno del Successore di Pietro: basta un buon trattato di psicologia. Il Papa guida la Chiesa ben più in alto: all’ascolto della Parola di Dio, all’imitazione di Cristo, alla liberazione dal peccato, alla vita di grazia, alla vittoria sul mondo e su Satana, alla comunione dei santi, all’esercizio della carità, alla perfezione evangelica, alla disponibilità alle sollecitazioni dello Spirito Santo, alla conquista del Regno di Dio, all’eterna beatitudine.

.

«Il Papa riesce ad entrare in contatto con ogni comunità»? Certain, egli è il Padre comune di tutti figli di Dio, è mandato da Cristo ad annunciare il Vangelo a tutto il mondo, deve comprendere i bisogni più profondi di tutti, deve saper apprezzare i valori di tutte le religioni, deve apresentar a Cristo aqueles que estão "cansados ​​e oprimidos" [MT 11,28].

.

O Papa certamente demonstra uma energia extraordinária e atitude em contato com as multidões. Ma esse, enganado por uma interpretação secularista da ação do Papa pela grande mídia de massa, interpretação que o próprio Papa não parece suficientemente refutar, O que, então, ver o Papa? O propagandista bonito de uma moral "relaxado" ou o homem de Deus que nos chama a olhar para cima? Se o Papa 'encontra resistência', deve saber o que eles significam. Claro que há o costume Lefebvre e fariseus; mas há também aqueles que o amam e é amigo sincero e quero vê-lo alcançar a santidade.

.

  1. Devemos orar pela fraternidade entre as religiões, não fomentar divisão.

.

Pergunto-me num Dominicana essa imprecisão idioma, o que sugere uma visão relativista da religião e indifferentist. Ele parece confundir fé com a visão. Opiniões podem ser muitos, Também em contraste com a sua, e isso é normal. Mas a fé em Deus é um, bem como a verdade é apenas um, porque é verdade objetiva, certa, absoluto e universal.

.

Devemos, portanto, promover a fraternidade entre os seguidores de diferentes religiões. Não faz sentido, em vez falar de "fraternidade entre as religiões", como não faz sentido fraternidade entre verdadeiro e falso. Não deve dividir o que deve ser unidos, ma si deve dividere ciò che va separato. Lo spirito di pace non è fare il doppio gioco o servire due padroni. In tal senso Cristo dice di essere venuto a portare una «spada» [MT 10,34].

.

«Chi non è con me» – dice il Signore [MT 12,30] – «è contro di me». Se il Corano nega ciò che insegna Cristo, non possono contemporaneamente aver ragione Cristo e il Corano. Per conseguenza, le religioni non sono come i partiti in un parlamento o la pluralità degli istituti religiosi all’interno della Chiesa Cattolica. In questi casi le varie formazioni si integrano e si completano a vicenda per rappresentare la totalità: o l’intera cittadinanza di una nazione o l’intero corpo ecclesiale.

.

Invece la questione del rapporto fra le religioni non è di ordine semplicemente sociale; non è semplicemente di competenza dello Stato, in applicazione del diritto di libertà religiosa, per cui lo Stato deve curare la pacifica convivenza dei gruppi in esso esistenti; non si tratta solo di rispettare le diversità tra le religioni, ma più profondamente la questione tocca il problema della verità delle dottrine delle religioni. E su questo punto il Domenicano dovrebbe essere particolarmente sensibile. A respeito disso,, dobbiamo dire che la Chiesa Cattolica riconosce la presenza di valori salvifici anche nelle altre religioni, misti tuttavia ad errori. De fato, la pienezza della verità salvifica è patrimonio esclusivo della dottrina cattolica, come afferma ancora il Concilio Vaticano II nel decreto Unitatis redintegratio (II).

.

Per questo la Chiesa ha anche il compito di respingere o correggere gli errori contenuti nelle altre religioni, perché tutti gli uomini sono chiamati a convertirsi a Cristo per il tramite della Chiesa, come ha precisato il Concilio di Firenze nel 1442, anche se è possibile, come ha insegnato il Concilio Vaticano II, appartenere alla Chiesa in modo inconscio.

.

Il Padre Timothy Radcliffe sembra dunque condividere la teoria di Edward Schillebeeckx, secondo il quale la vera religione risulta dalla somma di tutte le religioni, per cui ognuna di esse darebbe il suo contributo alla edificazione del tutto, un po’ come un’enciclopedia risulta dai contributi dei collaboratori. De fato, secondo Schillebeeckx, “nessuna religione particolare esaurisce il problema della verità”[1]. “Di conseguenza, possiamo e dobbiamo dire che c’è più verità religiosa in tutte le religioni messe assieme che in ogni singola religione”[2]. Questo che vuol dire? Che il Corano aggiunge verità salvifiche che non sono contenute nel Vangelo? Che il Vangelo non può permettersi di correggere il Corano? Schillebeeckx non si rende conto che le verità salvifiche sono state rivelate da Dio per il tramite di Cristo e della Chiesa in un certo numero e raccolte nel Simbolo Apostolico. Le altre religioni non aggiungono nuove verità, che non siano già contenute nel Credo cristiano, ma semmai ne mancano di qualcuna. Por esta, la posizione di Padre Timothy Radcliffe, in quanto riflesso delle idee di Schillebeeckx, non è per nulla conforme alla dottrina della fede, infelizmente!

 

Varazze, 24 Novembro 2017

.

__________________________

[1] Umanità, la storia di Dio, Queriniana 1992, p.215.

[2] Ibid., p.220.

.

.

«Você saberá a verdade, ea verdade vos libertará» [GV 8,32],
mas trazer, difundir e defender a verdade não só de
riscos, mas também os custos. Ajude-nos a apoiar esta ilha
com as suas ofertas através do sistema Paypal seguro:



ou você pode usar a conta bancária:
Eram TI 08 (J) 02008 32974 001436620930
neste caso, envie-nos um aviso de e-mail, porque o banco
Ele não fornece o seu e-mail e nós não poderíamos enviar-lhe um
ação de graças [ isoladipatmos@gmail.com ]

.

.

.

.

.

Acerca de isoladipatmos

Deixe uma resposta